Pollyana Quintella

É curadora, professora e pesquisadora independente. Formada em História da Arte pela UFRJ, é mestre em Arte e Cultura Contemporânea pela UERJ, com pesquisa sobre o crítico Mário Pedrosa. Colaborou com pesquisa e curadoria para o Museu de Arte do Rio (MAR), entre 2018 e 2020, e escreve para diversos jornais e revistas de cultura. É curadora adjunta da exposição FARSA - Língua, Fratura, Ficção: Brasil-Portugal, prevista para inaugurar este ano no Sesc Pompeia.  

Recomendado

Um livro ante a dormência do presente

2020-10-05
Não me Importo com as Rimas
  Se ainda nos cabe falar em geração, não é novidade que a nossa não vai lá muito bem. Nosso tempo tem sido definido por um e ...

Luiza Crosman, Blockchain e crítica institucional

2019-01-03
Colunistas
  Na Bienal de São Paulo deste ano, Afinidades Afetivas, Luiza Crosman buscou intervir no modelo produtivo da instituição com três aç ...

A obra misteriosa de Lucia Nogueira, homenageada este ano na Bienal de São Paulo

2018-11-30
Colunistas
  Nascida em 1950, Lucia Nogueira, artista goiana, migrou para Londres nos anos 1980, quando começou a desenvolver seu trabalho como escultora. Em pouco tempo, ...

Ficar aqui e produzir beleza

2018-10-23
Colunistas
  Há algumas semanas tento escrever um texto sobre a Lucia Nogueira para este espaço, uma das artistas homenageadas pela Bienal desse ano, ainda pouco co ...

Radical Women: curadoria discute política e a reinvenção das mulheres na arte e na vida

2018-09-03
Colunistas
  Aquela mulherzinha que você conheceu morreu sem alarde. Ardia de amor e se queimava. Teresinha Soares    No desfile Primavera-Verão 2 ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2021 REVISTAPESSOA.COM