Imagem 1583484735.jpg

Meta-ensaio ou todas as coisas a que não respondi

Desenho: Patrícia Lino



2020-03-06

Sobre Manoel de Barros e A Poesia Cínica, publicado pela Relicário Edições em 2019

 

Como escrever um ensaio:

 

1º passo: ler o poeta.

2º passo: ler todos os textos que se escreveram sobre o poeta.

3º passo: questionar todos os textos que se escreveram sobre o poeta.

4ª passo: questionar o próprio poeta.

 

O QUE IMPLICA A CONCRETIZAÇÃO DESTES QUATRO PASSOS

Ler Manoel de Barros significa ler 24 volumes de poesia. Ler todos os textos que se escreveram sobre o poeta significa ler, em média, mais de uma centena de dissertações de mestrado e doutoramento. Questionar ambos, sobretudo os 24 volumes de poesia, pode significar questionar um e outro por muito tempo. Aponta isto num papel: “não tens todo...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 3.50

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


ASSINATURA

DESDE R$ 39.00

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$ 3.50

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


ASSINATURA

DESDE R$ 39.00

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Patrícia Lino

É professora universitária e poeta. Ensina literaturas e cinema luso-brasileiros na UCLA (University of California, Los Angeles). É a autora de Antilógica (2018) e Manoel de Barros e A Poesia Cínica (2019). Dirigiu Vibrant Hands (EUA, 2019) e Anticorpo. Uma Paródia do Império Risível (EUA, 2019). Publicou, apresentou e expôs ensaios, poemas e ilustrações no Brasil, em Portugal, no México, nos Estados Unidos, na Colômbia e na Espanha. A sua investigação centra-se, neste momento, na poesia contemporânea, culturas visual e audiovisual, paródia e anticolonialismo, intermedialidade e cinema luso-brasileiro. É editora da revista de poesia e crítica Virada. Mais informação aqui.




Desenvolvido por:
© Copyright 2020 REVISTAPESSOA.COM