Imagem 1512573730.jpg

Vamos abolir 2018

Cena de lenda sobre a Era Vikram. Westindischer Maler. Domínio Público



2017-12-06

É questão de vontade política, e todos sabem que medidas bem mais improváveis foram aprovadas pelo Congresso brasileiro em tempos recentes

 

Chegou às minhas mãos esse texto do lobista alemão Ernst Lügner. Circulado de modo restrito entre empresários e investidores, revela discussões que podem vir a influenciar políticas públicas no Brasil. Por isso, achei por bem traduzi-lo para o português e divulgá-lo aqui. Mesmo divergindo radicalmente das posições de Lügner, sou obrigado a admirar o conhecimento que demonstra das coisas brasileiras. Antigo observador dos bastidores de Brasília, um dos articuladores da transferência de tecnologia nuclear para o Brasil na década de 1970, Lügner é hoje assessor do partido de extrema-direita AfD (Alternative für Deutschland) para assuntos de América Latina.

R.C.

 

 

Fontes seguras, porém sigilosas, asseveram que a Comissão de Constituição e Justiça do congresso brasileiro (Câmara dos Deputados) chegou a debater a possibilidade de abolir, esse ano, o mês de outubro. Deputados influentes da bancada ruralista, impelidos por cálculos de economistas ligados ao Ministério do Planejamento, entenderam que os ecos revolucionários de outubro de 1917 poderiam exacerbar a turbulência política atual e aprofundar o quadro de precariedade institucional. Diante da volatilidade...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$0,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$0,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Rafael Cardoso

É escritor e historiador da arte, PhD pelo Courtauld Institute of Art (Londres). Seu livro mais recente é O Remanescente, publicado em 2016 pela Companhia das Letras e traduzido para alemão (S. Fischer) e holandês (Nieuw Amsterdam). É autor de mais três livros de ficção e co-roteirista do longa-metragem Maresia (dir. Marcos Guttmann, 2016). É também autor de diversos livros sobre história da arte e do design no Brasil, incluindo Design para um mundo complexo (Cosac Naify, 2012). Atua ainda como curador independente, responsável, entre outras, pelas exposições Do Valongo à Favela: Imaginário e periferia (Museu de Arte do Rio, 2014). E colaborador do Instituto de Artes da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, mora atualmente em Berlim. Fotografado por Patricia Breves.




Artigos Relacionados


O Brasil solta o Frota interior

  Confesso que cheguei a nutrir uma admiração atravessada pelo Alexandre Frota. Antes que me apedrejem, apresso-me em quali ...

Aprendendo com Kassel

  Presente de grego No penúltimo fim-de-semana antes do encerramento da Documenta, Kassel estava cheia. Ruas abarrotadas de gen ...

Erros monumentais

  Monumentos que caem Para quem conhece bem o sul dos Estados Unidos, as cenas recentes de iconoclasmo ocorridas na cidade de Durham, ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2017 REVISTAPESSOA.COM