Imagem 1488454000.jpg

Eu, Paterson e os cadernos



2017-02-07

Geopolítica dos afetos

écoutez, le riz, voilà comment il faut le faire,

une fois pour toute retenez ce qu’on vous dit. M. Duras

 

De fato não restava muito mais. Uma ou outra pista de onde colocávamos as nossas barracas. No meio das árvores. Alguns buracos ainda abertos. O seu olhar. Sempre um tanto parado. Como se todas as coisas fossem vistas pela primeira vez. Exigindo demorar-se nelas.

As pessoas andam rindo de mim. Sobretudo nos meios muito ilustrados. Isso porque ando dizendo francamente. Que as ideias. Esse mundo aonde vivi. Manejando conceitos. O mundo deles. Sim. Ando dizendo por...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


MICROPAGAMENTO

R$ 6.80

ou

€ 1,10

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.


  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Ana Kiffer

É Professora da Pós-Graduação em Literatura, Cultura e Contemporaneidade da PUC-Rio, Cientista do Estado pela FAPERJ e Bolsista de Produtividade no CNPq. Curadora convidada da Bienal de SP 2021. É escritora, autora dos livros Tiráspola e Desaparecimentos, Editora Garupa, 2016, A punhalada, 7Letras, 2016, Todo Mar, Urutau, 2018; colunista da Revista Literária Pessoa, pesquisadora da obra do escritor francês Antonin Artaud, vem desenvolvendo há muitos anos uma investigação sobre os diversos modos de relação entre os corpos e a escrita. Autora do livro Antonin Artaud, EDUERJ, 2016, e com Gabriel Giorgi, Ódios Políticos e Politica do Ódio, RJ: Bazar do Tempo, 2019 e Las Vueltas del ódio, BA: Eterna Cadência, 2020. Organizadora do livro A Perda de Si – cartas de A. Artaud, Rocco, 2017; e das coletâneas: Sobre o Corpo, 7Letras, 2016, Expansões Contemporâneas: literatura e outras formas, com Florência Garramuno, UFMG, 2014, entre outros artigos e ensaios.  Foi curadora, em 2020, da exposição Corte/Relação dos cadernos de Antonin Artaud e de Édouard Glissant. Para a 34ª Bienal de São Paulo. Em 2021, estreou seu primeiro romance O Canto Dela, pela editora Patuá. Fotografada por Dani Neves.




Sugestão de Leitura


Efeito Ernaux, por Alice da Palma e Ana Toledo

um tipo de dom reverso Alice da Palma e Ana Toledo   A escritora francesa e Nobel de Literatura de 2022 Annie Ernaux reivindica par ...

Efeito Ernaux, por Mateus Baldi e Gabriel Martins

Cartografia da vergonha Mateus Baldi e Gabriel Martins da Silva   Diferentemente d’Os anos, o livro mais célebre de An ...

Efeito Ernaux, por Luisa Espindula e Taís Bravo

Salvar alguma coisa deste tempo Luisa Espindula e Taís Bravo   A memória nunca se interrompe. Ela equipara mortos e v ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2024 REVISTAPESSOA.COM