Imagem 1490905096.jpg

Este tempo, ainda sem nome, que começa agora

Osmar do Prado e Silva - Rio antigo - 1880/1958



2014-02-08

Em meados dos anos 1970, Werner Herzog foi à Pensilvânia, nos EUA, filmar o World Livestock Auctioneer Championship, o campeonato mundial de leiloeiros de gado, e a experiência resultou no documentário How Much Wood Would a Woodchuck Chuck (1976). Nele, assistimos a uma estonteante sequência de recitações em altíssima velocidade, hipnóticos pregões, incompreensíveis anúncios de compra e venda (ou compreendidos somente por iniciados), a ladainha do capitalismo feroz. O subtítulo do documentário, Beobachtungen zu einer neuen Sprache (Observações sobre uma nova linguagem), é revelador: Herzog acreditava que a fala hiperveloz dos leiloeiros era a última poesia possível, a verdadeira poesia do capitalismo, como afirma em conversa com Paul Cronin (Herzog on Herzog. Faber & Faber: 2002). Para o diretor, toda época possui sua linguagem extrema (como é o caso dos cânticos religiosos), e a do século XX era justamente a voz do ritual frenético do leilão.

A fascinação pelos pregões não é exclusividade de Herzog. Os gritos e cantos de vendedores ambulantes, por exemplo, despertaram alumbramentos em Manuel Bandeira: Me lembro...

Continuar lendo

AINDA NÃO TEM PLANO? SELECIONE:

MICROPAGAMENTO

R$0,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA



  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição

MICROPAGAMENTO

R$0,99

APENAS ESTE ARTIGO

  1. Você pode acessar apenas o artigo que pretender ler. Faça um micropagamento para baixa-lo. É facil.

  2. A compra avulsa de um artigo não dá acesso ao conteúdo integral da revista.

ASSINATURA

DESDE R$12,90

PARA TODO O CONTEÚDO DA REVISTA





  1. - Prioridade na participação de eventos organizados
  2. - Descontos em títulos lançados pela Pessoa
  3. - Envio de newsletter com os destaques da edição
  1. As assinaturas e os micropagamentos são necessários para manter a Revista Pessoa

  2. Precisa de ajuda ou mais informação?
  3. Entre em contato:
  4. revistapessoa@revistapessoa.com


Victor Heringer

Victor Heringer (Rio de Janeiro, 1988) é escritor, autor de Glória (7Letras, 2012, Prêmio Jabuti), O escritor Victor Heringer (7Letras, 2015), Lígia (e-galáxia, 2014), entre outros. Colabora na revista Pessoa desde 2013.




Sugestão de Leitura


América do Sul em chamas

Eu estava num ônibus a caminho de La Paz, no que me parecia ser o meio da estrada, quando vimos os primeiros automóveis dando meia-v ...

Carta para Violeta

Doña Violeta, señora quantas vezes não chorei em seus braços despejado em seu colo como no colo de minha m&atil ...

Impressões do Peru

1. Quando eu era menino, queria viver num hipermercado, desses que vendem de iogurte a pneus. Fui crescendo e subindo na pirâmide de necess ...
Desenvolvido por:
© Copyright 2018 REVISTAPESSOA.COM